Promoção de escravas de baixa categoria R$1,99

  Grande merda seus limites ultrapassarem o céu de Plutão e o meu não passar de um milímetro do chão em que piso se vocês vivem o BDSM apenas com atos sexuais e não dão valor à liturgia, adestramento não sexual e vivem seções como se fossem bater o ponto! O pior são seus comportamentos em grupo, agem como prostitutas das piores categorias, só sabem falar de forma escandalosas com palavrões e gírias.
  Uma coisa que sempre comentei ao Dono de mim, é que a fama dele também é o comportamento meu pelas costas Dele. O que me corrói no BDSM é que justamente a rotulações de fakes que ganhamos são dadas graças a essas escravas promocionais, sendo que as fakes são justamente elas e as que veem isso não têm coragem de falar e nem ensinam as novas escravas a como se portarem.
  O que alimentam essas fakes também são os Donos delas, o que isso é questão para outra postagem, mas só para concluir deixo a comparação de que essas escravas e patricinha universitária são praticamente as mesmas coisas, iguais a peixes "frescas".


Têm com ^ no e é por que o verbo ter está na terceira pessoa no plural -  ele tem / eles têm (ainda mantêm o ^ mesmo com o novo acordo ortográfico).

Nenhum comentário :

Postar um comentário